O que você deve prestar atenção ao decidir comprar um apartamento no sistema de condomínio?

No mercado polaco, os investimentos em flats, apartamentos e hotéis-condomínio tornam-se cada vez mais populares e rentáveis, sobretudo porque os depósitos bancários geram uma taxa de retorno muito baixa.

Comprar um apartamento que seja administrado de forma correta e que tenha um sistema para condominio para facilitar a comunicação entre síndicos e moradores é muito benéfico para o investidor, principalmente se for feito à vista.

O proprietário do apartamento adquirido ganha dinheiro mesmo que não o administre. Além disso, o investidor pode morar em tal apartamento a qualquer momento, se não quiser mais alugá-lo.

No entanto, antes de decidir comprar um imóvel desse tipo, verifique quais fatores devem ser levados em consideração para evitar erros e atender às suas expectativas de investimento.

O que você deve prestar atenção ao decidir comprar um apartamento no sistema de condomínio?

1. Localização

Confira quanto tempo leva para chegar do condomínio a lugares importantes como o centro da cidade, estação de trem, aeroporto e os pontos turísticos mais importantes da cidade. Qual é a distância até o transporte público, clínica ou mercearia mais próximo?

Viver em apartamentos de condomínio é acima de tudo uma questão de conveniência, por isso pense onde o seu hóspede passaria mais tempo e deixe-o ser o seu ponto de partida ao escolher um local na cidade para hóspedes em negócios ou turistas. 

É semelhante no caso dos apartamentos de férias – sua localização é o primeiro fator que determina sua atratividade. Os investidores desses imóveis costumam optar por locais frequentemente visitados por turistas e dotados de atrativa infraestrutura recreativa e de serviços.

Projetos localizados em um local menos conhecido, mas com uma bela paisagem ou infraestrutura única, também são muito procurados. De referir ainda que no caso de um hotel condomínio de férias, a vista da janela é de grande importância. O preço de um apartamento com vista para o mar pode ser de 30% a 50% maior em comparação com um apartamento, mas sem essa vista.

2. Serviços e infraestrutura adicionais e taxas de administração da propriedade

Todo mundo pensa que um apartamento com mais comodidades é igual a um hotel, significa automaticamente taxas de administração mais altas. Nada poderia estar mais errado!

Condomínios maiores, com piscinas, academias, gastronomia, centro de conferências, salão de festas, etc. conseguem distribuir os custos por um número maior de moradores ou operar de forma independente – sem onerar os hóspedes que não utilizam um determinado tipo de serviço.

Além disso, os condomínios pequenos, boutique ou médios podem ter taxas comparativamente altas, mas não possuem infraestrutura e não atraem hóspedes com atrações como SPAs, piscinas e playgrounds.

3. Moradores

Descubra qual é o grupo-alvo de hóspedes de um condomínio. Quais são as suas expectativas para um destino de férias? Que tipo de estilo de vida você procura se mora no apartamento permanentemente? Você se importa com o bairro de famílias com crianças?

Casal rico na casa dos cinquenta que vem para um apartamento para uma estadia do proprietário certamente não quer viver com jovens de 20 anos à procura de uma atmosfera divertida.

4. Possibilidade de vender o apartamento

Um apartamento em condomínio pode ser vendido? Um apartamento em condomínio pode ser vendido exatamente da mesma forma que um apartamento clássico. A única diferença é que ao vender um apartamento no sistema de condomínio, estamos vendendo um imóvel com contrato de locação assinado.

E isso é um enorme valor agregado, pois o comprador do apartamento estará interessado em entrar nos direitos e obrigações do atual proprietário e aproveitar um contrato de aluguel de longo prazo que gere uma renda lucrativa.

5. Experiência de um desenvolvedor e operador de condomínio

No entanto, vale lembrar que além dos fatores importantes discutidos, a popularidade de um determinado investimento e seu sucesso final são determinados principalmente pelo profissionalismo e confiabilidade do desenvolvedor na área de investimentos em construção, bem como pela experiência do operador e gestão na organização do aluguel e atendimento aos moradores.

Especialmente esta última determinará o sucesso do aluguel e o valor da receita gerada para os proprietários.